TELFAR BAG: the Bushwick Birkin

Para os apaixonados pelo mundo fashion, é muito fácil resumir o comportamento de uma geração pelas bolsas de luxo que marcaram cada época. Os anos 80 tiveram os excessos de monogramas reluzentes como na Classic Chanel revisitada por Lagerfeld; os anos 90 tiveram a Fendi Baguette, endossada por Carrie Bradshaw nos episódios de Sex in the City; os anos 2000 trouxeram a enorme Chloé Paddington, que estava alinhada com os excessos de Paris Hilton e Lindsay Lohan, e em 2010 o minimalismo da Bucket Bag de Mansur Gavriel deixou todos de boca aberta.

Seguindo essa lógica, nada mais natural que o momento atual ser marcado por um produto sem gênero, provocador e inclusivo. A Telfar Bag, bolsa da marca americana criada pelo designer Telfar Clemens, é a queridinha da vez e está presente em centenas de editoriais e reportagens sobre tendências. E para melhorar, ainda ganhou o apelido de "Bushwick Birkin" – A Birkin – bolsa icônica da marca Hermès – do bairro Bushwick, localizado no Brooklin, em Nova York.

Mas você conhece a história por trás dessa bolsa?



imagens instagram @telfarglobal e the cut.com



A Telfar Bag é uma shopping bag, feita em material sintético, quadrada e com alças duplas. Apresenta as iniciais "TC" em relevo e vêm em três tamanhos e nove cores diferentes. Simples assim.

O designer conta que a ideia surgiu durante o Natal, olhando as pessoas caminhando com suas sacolas de papel pra cima e para baixo. Ali percebeu o potencial na silhueta unissex e não perdeu tempo, medindo uma sacola da loja Bloomingdales para fazer a primeira amostra.

A bolsa fez sua estreia em um desfile de 2014 de Telfar, mas foi em 2017, quando a marca ganhou um grande prêmio em dinheiro da Vogue Fashion Fund, que pôde investir na ideia e produzir mais bolsas. “Quando encomendamos 100 bolsas, foi o maior pedido que já tínhamos feito para o nosso site. Elas se esgotaram da noite para o dia. Então encomendamos 300, depois 1.000. Nós vendemos o dia todo, todos os dias.” conta Clemens.


Não demorou muito para a Telfar Bag passar a ser reconhecida como a it bag do momento. Mas colocá-la na mesma categoria que bolsas como a Chloé Paddington ou Givenchy Drew não lhe faz justiça: o trabalho altamente questionador do designer transformou a sua bolsa em um símbolo de identidade de grupo para os nova-iorquinos jovens e criativos, especialmente negros, dando-lhes uma representação mais ampla em um mundo da moda dominado por brancos.