VIVA O ZÍPER

O zíper representa um recurso excelente e muito eficaz para fechar corretamente vários tipos de acessórios como, por exemplo, bolsas.


Por sua funcionalidade e utilização na produção de bolsas, é que voltamos a falar sobre ele.


Os zíperes não apenas mantêm juntas as partes, mas também mantêm seguros nossos bens mais preciosos. É por isso que a confiabilidade é essencial e especialmente importante em malas, mochilas e bolsas.


Os zíperes devem ser de alta qualidade, especialmente para os diversos tipos de bolsas, pois são muito mais que um simples acabamento: são elementos fundamentais, que devem satisfazer a exigência de resistência e solidez. Devem poder ser abertos e fechados de forma eficiente e rápida, sem emperrar e sem risco de quebrar. A tecnologia tem contribuído e oferecido ao zíper maior qualidade, resistência, durabilidade e inovação, como o zíper a prova d'água.



No mundo dos zíperes modernos, existem diversos modelos, materiais e tamanhos.

Imagem: Sant Brasil


Os modelos de zíper, puxador e matéria prima do cadarço são determinados de acordo com a finalidade de uso. Em geral, os itens que compõem os zíperes são assim encontrados:


Cadarço: Algodão, sintético (náilon, poliéster, pu)

Dente: náilon, metal, alumínio, aluminizado, plástico (vislon)

Largura do dente: fino, médio, grosso

Puxador: plástico, metal (em diversos acabamentos e pinturas (banhos))


Zíper comum: geralmente composto por itens sintéticos, são utilizados para praticamente todos os tipos de peças de material fino, como tecido. Destacam-se por serem leves e flexíveis.



Zíper de metal: Os zíperes de metal costumam ser mais utilizados em peças grossas e fortes, já que, por serem construídos em metal, são mais resistentes e duram muito mais dentro da sua utilização. Ideal para bolsas, além de agregar mais valor à peça.




Ao escolher um zíper, selecione-o conforme seu objetivo e aplicação, levando em consideração a necessidade de resistência e não somente o seu design.


Por outro lado, existem zíperes luxuosos. A maioria dos zíperes de luxo se enquadram na categoria de metal porque carregam um pouco mais de peso, o que também justifica o custo deles. Sim, eles custam um pouco mais. A razão é a forma como os zíperes são produzidos. Os zíperes luxuosos são normalmente produzidos com cuidado e processos extras para criar um acabamento ultra suave e um produto final impressionante que se destaca em tudo o que está sendo aplicado.


A suiça Riri e a italiana Lampo são algumas das fabricantes e fornecedoras destes zíperes para grandes marcas de luxo, mas a japonesa YKK é a marca nº 1 do mercado mundial. Os zíperes YKK são os mais usados, principalmente por sua versatilidade e preço. Esta gigante dos zíperes também é conhecida por sua confiabilidade, oferecendo opções para quase tudo, sem quebrar qualquer orçamento.


Quando alguém investe em uma bolsa de luxo, é melhor torcer para que os designers tenham reservado um tempo para escolher cada detalhe dessa bolsa. Isso inclui os zíperes. Basicamente, tudo se resume aos detalhes. Sabemos que marcas que se mantiveram firmes e se comprometeram com os detalhes ainda estão em atividade. Já, marcas que tentaram vender com um preço mais alto apenas para ganhar dinheiro e pular os detalhes, não estão mais no mercado.


Portanto, se você deseja elevar o nível das bolsas de sua marca e atender um grupo de clientes exigentes, zíperes de qualidade são a opção certa.



Curiosidade

Indicador de Autenticidade

Entre outros sinais reveladores, como a qualidade do couro, costura e fontes de etiqueta, os zíperes são outro ponto de referência que os especialistas verificam ao confirmar a autenticidade de um item. Aqui está o que Sabina Jacobs, especialista em autenticação de artigos de luxo, tem a dizer: "Os zíperes são uma grande indicação se algo é autêntico ou não. Os zíperes em itens autênticos geralmente terão a marca (Balenciaga terá Lampo ou “B”, Dior terá 'DIOR' e Gucci terá 'GUCCI' na parte de trás das cabeças do zíper) e será de qualidade superior - no geral eles correm mais suavemente e parecem mais substancial. ”



Imagens: Pinterest | YKK


1 comentário

Posts recentes

Ver tudo